Segunda, 04 de Julho de 2022
Direito & Justiça

Penhora

Justiça penhora salários do senador Romário

O Senador pelo PL e ex-atleta sofreu uma determinação na Justiça que penhora 10% do salário no senado

Foto: Divulgação
post
Romário teve 10% do salário penhorado por determinação judicial

21 maio, 2022

Ex-jogador de vários clubes brasileiros e tetracampeão do mundo com a Seleção, Romário hoje atua na política. Senador pelo PL, o ex-atleta sofreu uma determinação na Justiça que penhora 10% do salário no senado. De acordo com o portal 'Metrópoles', o motivo é uma dívida por conta de um processo contra a TV Bandeirantes. A determinação foi feita pela 12ª Vara Cível de Brasília, do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT). A juíza Priscila Faria da Silva autorizou a penhora mensal de R$ 2.145,70 do salário de Romário, que é de R$ 21.457. O ex-jogador deve cerca de R$ 12.075 por honorários de um processo perdido contra a emissora. Romário entrou com ação para tentar retirar uma reportagem da Band do ar, mas perdeu o processo em 2019. Para quitar toda dívida com os honorários, a penhora dos 10% do salário se dará durante seis meses. Romário já havia sido alvo de penhora em 2021, quando a Justiça determinou que o ex-atacante indenizasse Marco Polo Del Nero, ex-presidente da CBF, por tê-lo chamado de 'corrupto', 'safado' e 'ladrão'.