Quinta-feira, 29 de
Fevereiro de 2024
Geral

Tristeza

Veja quem era adolescente de 16 anos que morreu de dengue em Goiás

Fernanda Ferreira Martins teve um quadro grave de dengue associado à diabetes

Foto: Reprodução/Redes Sociais
post
Adolescente morreu de dengue, em Uruaçu - Goiás

05 fevereiro, 2024

Uma partida antes da hora: Fernanda Ferreira Martins morreu aos 16 anos, vítima da dengue. Familiares e amigos deram o último adeus para a adolescente na tarde de domingo (4/2), em Uruaçu, no norte de Goiás. A adolescente morreu no sábado (3/2), no Hospital Estadual do Centro-Norte Goiano (HCN). O hospital informou ao g1 que Fernanda teve um quadro grave de dengue associado a uma cetoacidose diabética gravíssima. Aos 16 anos, Fernanda dividia o trabalho como design de unhas em gel com os estudos. Ela era aluna do 3º Ano do Colégio Estadual da Polícia Militar de Goiás (CPMG), que fez uma homenagem no velório da adolescente. Escola faz homenagem para adolescente que morreu de dengue, em Goiás Apesar de discreta, Fernanda usava as redes sociais para mostrar o trabalho que ela fazia para atrair mais clientes: “agenda aberta”, anunciava. Publicações que dividiram espaço com selfies sempre bem maquiada e arrumada. A adolescente era filha do empresário Daniel Borges e de Isabel Ferreira, ambos de Uruaçu. Ao som de “Estrelinha”, de Di Paullo & Paulino com Marília Mendonça, a mãe da adolescente publicou uma homenagem para ela. “Voa alto minha estrelinha e manda forças para a mamãe aqui. Sua partida já está fazendo muita falta, meu amor. Fica para sempre viva aqui dentro de mim”, escreveu. Nas redes sociais dos pais, a adolescente aparece sempre ao lado dos irmãos. Fernanda morreu quase duas semanas antes de completar 17 anos, no dia 16 de fevereiro. Além dela, Goiás já registrou outras duas mortes por dengue.