Quinta-feira, 29 de
Fevereiro de 2024
Estado

Acidente

Tocantins:Sobe para dois o número de mortos em engavetamento envolvendo carros e caminhões

As vítimas são um servidor da Ageto e um funcionário da empresa terceirizada que prestava serviços nos reparos da rodovia

Foto: Divulgação
post
As vítimas do acidente são Vinícius Carvalho Alves, à esquerda, e João Batista, à direita

09 fevereiro, 2024

Subiu para dois o número de mortos no acidente que envolveu sete veículos, entre carros e caminhões, na TO-445 entre Miracema e Lajeado, na região central do estado. A vítima é um servidor da Agência de Transportes, Obras e Infraestrutura (Ageto) que havia sido socorrido, mas morreu no hospital. A colisão aconteceu na manhã desta sexta-feira (9/2) enquanto servidores da Agência e funcionários de uma empresa terceirizada trabalhavam na recuperação do trecho. Uma cratera se abriu na cabeceira da ponte sobre o córrego Landi, na rodovia estadual. O aterro cedeu e causou o buraco na via. De acordo com a pasta, o servidor João Batista sofreu uma parada cardíaca e não resistiu. A primeira morte confirmada ainda no local do acidente é do funcionário da terceirizada, Vinícius Carvalho Alves, de 32 anos. De acordo com a Polícia Militar (PM), a via estava sinalizada e uma carreta não teria percebido que havia obras na pista. Ela não conseguiu frear e acabou atingindo outros sete veículos que estava parados na ponte. Além das duas mortes, sete pessoas ficaram feridas. Os veículos que se envolveram no engavetamento são dois carros de passeio, um caminhão baú, duas caminhonetes, um caminhão da Ageto e a carreta que teria causado o acidente. Até o fim da tarde o trecho seguia completamente interditado porque os veículos ainda não haviam sido removidos. A Ageto informou que o trecho deve ser liberado ainda nesta sexta-feira. A perícia foi chamada para analisar as circunstâncias do acidente. A Secretaria de Segurança Pública informou que uma equipe do Instituto Médico Legal (IML) foi enviada ao local e seguiu com os trabalhos durante a tarde.

Estrada congestionada
Para evitar passar pelo trecho interditado por causa do acidente, motoristas tentaram passar por Tocantínia, para fazer a travessia de balsa. Mas o grande fluxo de veículos deixou um trecho da estrada congestionado. Como a balsa é pequena, uma das moradoras da cidade disse ao g1 que a travessia provavelmente demoraria. A PM orientou que os motoristas que precisarem seguir para o norte do estado utilizem o trajeto via Paraíso do Tocantins, já que a TO-445 está totalmente interditada.