Segunda, 15 de Agosto de 2022
Estado

Economia

Tocantins assume 1° lugar no ranking nacional de tempo médio na abertura empresas

Dados foram divulgados na segunda-feira (1°/8), no site RedeSIM, do Governo Federal

Foto: Assessoria de Imprensa do Sebrae Tocantins
post
O resultado, que é fruto de uma parceria entre Sebrae e Junta Comercial do Tocantins (Jucetins), tem o objetivo de melhorar o ambiente de negócios no Estado

02 agosto, 2022

O Tocantins assumiu a primeira colocação no ranking nacional de tempo para abertura de empresas. Os dados foram divulgados nesta segunda-feira, 1°, no site RedeSIM, do Governo Federal. Somente em julho deste ano, foram abertas 386 empresas (exceto MEI), em um tempo médio de 13 horas.
O resultado, que é fruto de uma parceria entre Sebrae e Junta Comercial do Tocantins (Jucetins), tem o objetivo de melhorar o ambiente de negócios do Estado. No Tocantins, 100% dos municípios já estão integrados ao Simplifica Tocantins, plataforma para formalização de empresas. Essa integração foi possível graças ao apoio que o Sebrae deu para a Jucetins. O diretor-superintendente do Sebrae-TO, Moisés Gomes, destaca que esta conquista é o resultado de políticas públicas voltadas à simplificação da abertura de pequenos negócios, tendo como consequência a atração de novos investimentos, além da potencialização na geração de emprego e renda. “O Sebrae se orgulha de fazer parte deste processo e, consequentemente, de apoiar o crescimento da economia do Tocantins”. O presidente da Jucetins, José Aníbal, afirma que o feito histórico mostra o êxito do Simplifica Tocantins. "O sistema Simplifica Tocantins está presente em todos os municípios. Isso favorece o desenvolvimento econômico de todas as regiões do estado. A abertura de empresas na Jucetins é totalmente digital, que conta ainda com ferramentas tecnológicas como assinatura avançada, balcão único e automatizações para tornar os processos mais céleres e desburocratizados", explica.

Parceria

A parceria entre Sebrae e Jucetins existe desde 2012, quando houve a digitalização pioneira no país de todas as documentações empresariais do órgão. O trabalho foi todo custeado pelo Sebrae.  Hoje a abertura 100% digital de empresas é uma realidade consolidada por conta do trabalho inovador do Sebrae, Jucetins e demais parceiros da esfera estadual e municipal.